Tributo à família Veiga – um legado que persiste no tempo

 

 

É um regalo para os olhos poder ver a fotografia de três animais que marcaram a posteridade com a qualidade da sua descendência. Três Gigantes da raça Lusitana.

Por ordem de colocação (cima para baixo): O Elmo (nasc. 1963 – AG 1,55m – Pt. 72); o Guizo (nasc. 1947 – AG 1,55 – Pt. 71,5); e o Lidador (toureou pela primeira vez em público no ano de 1924).

Acerca do Lidador que melhor maneira para o definir, do que esta carta escrita pelo Mestre Vitorino Froes, a João Núncio, por ocasião da morte desta “pérola” do toureio:

“Meu caro João

Foi-se o grande Lidador, não sei o que lhe hei-de dizer, porque as palavras escritas não podem traduzir a pena que me fez. Parece-me que Deus também sofreu. (…) Estou às suas ordens. Vê o que lhe posso ser útil, não tem mais do que mandar.

Seu velho amigo

Vitorino Froes”

 

Não podia deixar de partilhar estas imagens, e agradecer à família Veiga o legado que nos tem vindo a presentear ao longo de gerações.

 

 

Fotos retiradas de: Elmo e Lidador (da Revista Novo Burladero – dos artigos Coudelarias Toureiras – da autoria de Luís Esteves); Guizo (http://www.lusitanomariovinhas.com/pt)

2 thoughts on “Tributo à família Veiga – um legado que persiste no tempo

  1. FREDERICO BONACHO

    Meu caro amigo Rodrigo

    Como tantos outros criadores, tenho estado atento à evolução do teu blog, e de toda a informação e debate que, com grande actualidade, te esforças por nele incluir.
    É, de facto, inegavel, o contributo que, através dele, tens dado para que muitas das questões que interessam aos amantes do cavalo lusitano, sejam reflectidas, conversadas, discutidas!!! E mais do que isso!!!… O teu blog tem vindo a permitir que essas questões, outrora evitadas, passassem a ser abordadas sem quaisquer tabús, mantendo-se, contudo, o máximo respeito pela dignidade de todos os intervenientes, independentemente das ideias que comunguem!!!
    Trata-se de uma grande ajuda na reforma de mentalidades que carece a nossa sociedade!!!
    Quantas e quantas vezes meus grandes amigos pessoais vêm tendo opiniões diferentes que aquelas que eu propugno em varias materias de interesse publico???!!!… Tantos momentos saudaveis de discussão que tais divergencias têm sido génese…. Com Elevação!!… Com Urbanidade…. Sem Emoções!!!
    O problema só surge quando a base de sustentação dessas discussões e divergencias, encapotam objectivos que eventualmente não espelham os principios da defesa dos interesses comuns, do serviço do colectivo, do altruismo, da transparencia, da preocupação de resolver e ultrapassar problemas ancestrais, construindo, assim, um mundo melhor para os nossos filhos!!!…
    São, de facto, principios que todos os dias vemos serem postos em causa pelos sistemas politico/sociais vigentes e pelos nossos “exemplares” dirigentes, e que se vêm tornando num problema cronico que afecta transversalmente a sociedade do seculo XXI!!!
    O oportunismo dos dirigentes, aliado ao malabarismo das palavras com que se explicam, fazem com que os espectadores, apesar de brandos, cada vez mais desacreditem nas instituições que deveriam servir os seus interesses e não servir-se do poder transitorio que lhes assiste!!!…
    Mas a situação é deveras preocupante!!! Sobretudo porque está de tal forma institucionalizado este modo de actuar, que sempre que alguem reclama fundadamente contra ele, de imediato existem tentativas de “calar as vozes discordantes” através do método do convite para integrar o sistema, ou, no insucesso deste, através da calunia e da falta de respeito pela dignidade da pessoa humana do reclamante!!!
    È nesta segunda fase que o “Polvo” dirige os epitetos da “esquizofrenia”, “criancisse”, “traição”, “acefaleia”, “anacronismo”, “velhos do restelo”, “radicalismo”, “imponderação”, a todos aqueles que TÃO SÓ expressamente se recusam a pactuar com o sistema caduco que, no minimo, devia envergonhar os seus promotores, e que tem feito com que Portugal esteja gradualmente a conquistar lugares cimeiros no podium da corrupção e do conluio, à semelhança dos melhores exemplos do Terceiro Mundo!!!… Sem Elevação!!… Sem Urbanidade…. Só com Emoções!!!
    Lamentavelmente, a máxima demagogica que convém, é estar com o poder, para aproveitar a sua mecanica, ou, pelo menos, para não sofrer represálias!!!… Não estranha, assim, que muitos dos nossos concidadãos dirigentes demonstrem mudar de preferencias politicas e de opinião, de acordo com as marés… Sucedeu desde sempre… sucedeu depois do 25 de Abril de 1974… Muitas vezes apresentando explicações posteriores fundadas na juventude de então dos actores…. Bom remedio para afastar a evidencia da incoerencia!!!
    Contudo, não restam duvidas que o Tempo vai passando, e como Supremo Juiz que é, encarregar-se-á de esclarecer a verdade e resolver o problema!!! Queira Deus que resolva antes que o sistema democratico gangrene na sua totalidade!!!…
    È pois, como imprescindivel Auxiliar deste grande Juiz que é o Tempo, que o teu blog tem o máximo desempenho!!! Porque sem esclarecimento publico desinteressado, não há opinião fundamentada, nem o necessário despertar de consciencias!!!…
    Todos nós estamos gratos pela tua coragem, isenção e qualidade cientifica do contributo!!!
    Um abraço.
    Frederico

    Responder

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s